Dicas de artesanato

Descubra como ganhar dinheiro extra fazendo artesanato em casa!

como ganhar dinheiro extra
Escrito por Casa das Artes

O artesanato pode ser uma ótima terapia e também uma forma de criar objetos personalizados para a sua casa. Entretanto, suas vantagens vão muito além disso. Suas técnicas podem ser a solução de como ganhar dinheiro extra.

Vender o artesanato que você faz torna possível complementar a renda e pode ser até mesmo sua profissão principal. Contudo, para que esse projeto dê certo, é necessário profissionalizar o processo e cuidar de alguns detalhes. Abaixo, vamos dar algumas dicas para facilitar o seu negócio e ajudar você a começar a criar seus próprios artesanatos. Confira!

Estude e pesquise

A primeira dica é adquirir o máximo de conhecimento possível e se manter atualizado sobre a técnica que você utiliza. Se tiver oportunidade, faça alguns cursos para aprimorar suas habilidades — outra forma de aprender mais é utilizando a internet e assistindo a tutoriais. 

Além do domínio das técnicas, também é útil pesquisar referências. Por exemplo, quais são as cores da estação, as estampas que estão em alta, os materiais mais usados no momento em decoração e o que é tendência. 

Para atualizar sempre o seu trabalho e agradar à clientela, é preciso estar por dentro dessas referências, tanto das mais gerais, quanto das mais próximas ao artesanato que você produz.

Seja diferente

Toda essa pesquisa de referências vai ajudar com a próxima dica: faça um trabalho diferente do que os outros já estão fazendo. Encontre algo que torne o seu artesanato especial e não apenas mais um no meio de tantos. 

Se já existe na sua cidade várias pessoas vendendo o tipo de artesanato que você confecciona, crie um estilo próprio e uma identidade. Isso vai destacar o seu produto dos demais. 

Saiba o quanto cobrar

Não adianta dominar as técnicas e fazer artesanatos maravilhosos se você não cobrar um valor justo pelo seu trabalho. Para que as vendas compensem com justiça o seu talento e dedicação, é preciso considerar alguns fatores na hora de determinar o preço. 

Dois custos devem ser considerados: os fixos e os variáveis. Entre os primeiros estão o aluguel e as contas de água, luz e telefone do local em que você trabalha, além das despesas do MEI, caso se formalize.

Entre as variáveis estão a matéria-prima, os gastos com embalagem, o valor da sua hora trabalhada e uma porcentagem de lucro. É importante estabelecer um valor para cada hora de trabalho, baseado na sua experiência e nos custos pessoais que tem para se manter. Só assim seu esforço será valorizado de forma justa O lucro também é importante para que o seu negócio prospere. 

Planeje-se

O planejamento é muito importante, tanto na hora de precificar o produto, quanto no momento de fazer compras. Assim, você tem todo o material necessário para os artesanatos que fará naquele momento, sem desperdício ou surpresa na falta de alguma matéria-prima.

É recomendável que você calcule bem o tempo que gasta desenvolvendo cada peça, para se programar na confecção dos itens. Leve esse tempo em consideração quando for aceitar encomendas. Prometer uma data para o cliente e não cumprir é péssimo para o negócio.

Como ganhar dinheiro extra: ideias de artesanatos rentáveis

Agora que você já leu as dicas principais, já sabe como tocar o negócio e mesmo assim ainda está na dúvida em que técnica investir, não se preocupe. Abaixo você conhecerá várias opções interessantes para começar. Confira:

Artesanato com feltro

Esse tipo de trabalho está em alta no mercado, e as possibilidades são muitas. Com o tecido, é possível fazer guirlandas de bebê, chaveiros, necessaires, enfeites de natal, bonecas, quadros e muitos outros produtos. 

Para começar, você precisa aprender um pouco de costura, bordado básico e saber como montar peças mais elaboradas, colar itens em molduras etc.

Uma das principais vantagens do feltro é atender ao mercado de produtos para bebês, que está em alta para os artesãos. Por isso, as guirlandas são opções inteligentes. Outro fator positivo é que o tecido é fácil de manusear, bonito, personalizável e valorizado no mercado. 

Forminhas para doces

Feitas em tecido, papel ou outros materiais nobres, as forminhas engrandecem a decoração dos eventos. São fáceis e rápidas de fazer, fato que torna o retorno financeiro bem próximo.

Além disso, o mercado de festas nunca esfria, te deixando com clientela garantida mesmo em tempos de crise. O fato das encomendas serem em grande quantidade também facilita o negócio. 

Sabonetes artesanais

Também são muito práticos e fáceis de fazer. Até quem nunca fez artesanato consegue se dar bem nessa técnica. O investimento é bom por ser um produto que todo mundo usa, e os aromas deliciosos dos cosméticos artesanais ajudam a fidelizar os clientes.

Para alavancar suas vendas, invista em kits para que o freguês possa presentear alguém e, como todo bom regalo, não esqueça de oferecer embalagens bonitas e atrativas.

Caixas em mdf

São produtos muito populares entre artesãos e sempre procurados pelos clientes. As possibilidades para revestimento das caixas são diversas e dependem da sua preferência. Pode ser tecido, papel, tinta e muitos outros materiais. 

As caixas vendem bem porque são ótimos presentes, úteis em todas as casas, boas lembranças para oferecer a madrinhas e padrinhos de casamento, além de funcionarem também como itens de decoração. Há, ainda, a possibilidade de fazer produtos personalizados, basta usar a criatividade aplicando nomes ou fazendo revestimentos com fotos

Bijuterias

Os acessórios são muito valorizados no mundo da moda, principalmente quando são exclusivos, característica que se destaca nas peças artesanais. Para fazer as vendas desses itens deslancharem, capriche no acabamento, escolha bons materiais e seja muito criativo.

Encadernação artesanal

Esse tipo de artesanato continua fazendo muito sucesso e sendo uma escolha interessante de presente. Os scrapbooks são lembranças diferentes e cheias de afeto, e toda festa pode receber um toque especial com itens que utilizam essa técnica.

Mas, atenção, quem escolhe encadernação para criar produtos comercializáveis deve investir em boas ferramentas e personalizar alguns itens, já que muitos clientes valorizam essa característica nesse tipo de arte. 

Reciclagem

Contribuir para diminuir a quantidade de lixo deteriorando o planeta é sempre bom. Dessa forma, o artesanato de reciclagem faz com que a sua matéria-prima seja fácil de encontrar e barata, além de ajudar na manutenção da natureza.

Na hora de escolher o que reciclar e o que produzir, pense na realidade da sua região e no material que tem disponível em grandes quantidades. Também não deixe de analisar o gosto da clientela, para saber qual o melhor produto que você deve criar. 

Não existe uma fórmula mágica que explique como ganhar dinheiro extra ou que revele o caminho para ser um empreendedor de sucesso mas, seguindo essas dicas, a chance de cometer erros diminui consideravelmente.

Uma boa forma de começar a treinar suas habilidades artesanais é criando novos objetos para sua casa e ir experimentando durante o processo. Dê uma olhada em nosso post sobre o assunto e saiba mais!

Sobre o autor

Casa das Artes

Deixar comentário.

Share This